Artigo apresenta a evolução das cirurgias minimamente invasivas

Hoje, por ocasião do início da VIII Jornada Cearense de Videocirurgia e Cirurgia Robótica, o cirurgião urologista Marcos Flávio Rocha publicou, no jornal O Povo, um artigo sobre métodos cirúrgicos minimamente invasivos (trecho abaixo).

Nessa sexta, a jornada será marcada por aulas expositivas sobre diversas especialidades: urologia (módulo coordenado por Marcos Flávio Rocha), cirurgia bariátrica, cirurgia cardiotorácica, ginecologia e cirurgia geral e digestiva. À tarde, o evento promove a I Jornada Norte Nordeste de Cirurgia Robótica. No dia seguinte, a programação destacará atividades práticas.

O progresso de outras ciências, como a engenharia e a física, permitiu que a cirurgia vivesse uma revolução. Lentes com alto poder de ampliação, microcâmeras e novos métodos de transmissão de luz e de energia resultaram em inovações no ato cirúrgico.

Atualmente, além das técnicas tradicionais, realizadas por meio de grandes incisões, os pacientes contam com tratamentos minimamente invasivos. Esses procedimentos podem ser realizados via orifícios naturais (como boca, canal urinário e ânus); por meio de pequenas incisões no abdômen (laparoscopia) ou no tórax (toracoscopia), por meio de punções nos vasos para inserir stents no coração, dentre outros métodos.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s