Alterações genéticas associadas ao câncer de próstata

Mutações nos genes BRCA1 e BRCA2 já haviam sido relacionadas ao câncer de mama e ovário. Entretanto, uma pesquisa divulgada na publicação científica Journal of Clinical Oncology também sinalizou que quem apresenta alterações no gene BRCA2 possui maior probabilidade de tumores em outros órgãos, como próstata, pâncreas e estômago. Os genes BRCA1 e BRCA2 são de grande relevância, pois auxiliam as células a crescer normalmente.

O mapeamento genético amplia as estratégias de tratamento. Ao saber que o paciente tem propensão a determinada doença, o médico pode agir preventivamente. Entretanto, novas pesquisas precisam ser realizadas para confirmar as descobertas deste trabalho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s