500 cirurgias robóticas no Ceará

2019 05 500 cirurgias robóticas no HMK

Nesse mês, o Hospital Monte Klinikum atingiu a marca de 500 cirurgias robóticas realizadas. Essa história de êxito, inovação e trabalho em equipe começou em agosto de 2015, quando foi feita, em Fortaleza, a primeira cirurgia robótica do Norte/Nordeste/Centro-Oeste do país.

Coordenador médico, Marcos Flávio Rocha avalia que o crescimento do setor é contínuo. Desde a primeira cirurgia, a equipe aumentou, assim como a quantidade de robôs Da Vinci e de especialidades médicas atendidas (urologia, cirurgia bariátrica, cirurgia digestiva/colorretal, cirurgia torácica e ginecologia).

Marcos ressalta a importância de toda a equipe: cirurgiões, anestesistas, enfermeiras, profissionais da administração, responsáveis pela manutenção dos equipamentos, dentre outros. Ele também gostaria de saudar a administração do hospital, que não apenas confiou no talento dos médicos, mas investiu no treinamento, iniciado dois anos antes da primeira cirurgia. Além disso, Marcos lembra os médicos (nacionais e estrangeiros) que atuaram na capacitação, auxiliando a equipe nos anos iniciais a utilizar um centro cirúrgico robótico.

8 de abril, dia mundial de combate ao câncer

2019 04 MFR dia de combate ao cancer

Ao longo do ano, fitas coloridas vão surgindo para conscientizar sobre questões de saúde. Em relação ao câncer, mais de 15 campanhas abordam tipos específicos da doença. Hoje, 8 de abril, unificamos nossa luta ao celebrar o dia mundial de combate ao câncer. A cada minuto, uma pessoa no país recebe o diagnóstico com a doença.

Evoluímos bastante no combate ao câncer. Há métodos de diagnóstico por imagem cada vez mais precisos. Os tratamentos atuais envolvem uma equipe multidisciplinar, que engloba cirurgiões, oncologistas e outros profissionais que atuam na reabilitação, como fisioterapeutas.

Mesmo nos casos mais graves -quando há metástase, ou seja, o tumor se espalhou para outros órgãos-, é possível melhorar a qualidade de vida dos pacientes.

Na busca pelo bem-estar, o indivíduo tem papel ativo. No caso dos homens, é necessário realizar consultas anuais, a partir dos 45 anos, com urologistas. O diagnóstico precoce é determinante para a eficácia dos tratamentos. Em especial, do câncer de próstata, doença que causa mais mortes entre os homens.

Na rotina diária, devemos praticar exercícios, ter uma dieta equilibrada e evitar hábitos prejudiciais, como fumar e beber em excesso. 

Todo dia é dia de combater o câncer. Todo dia é dia de vencê-lo.

Câncer urológico: Novas formas de identificar tumores por imagem

2019 04 Exame PET_CT

A efetividade dos tratamentos dos cânceres urológicos depende do diagnóstico precoce dos tumores. Por isso, é animador acompanhar a evolução dos exames por imagem para detecção de câncer urológico.

Dois se sobressaem: ressonância magnética específica da próstata e PET/CT (imagem). Eles são capazes de identificar pequenas metástases no organismo. Alguns pacientes, após realizarem cirurgia ou sessões de radioterapia, podem apresentar elevação de PSA (proteína que a próstata produz normalmente).

Essa alteração pode estar relacionada a tumores menores, que não eram identificados por exames anteriores. Ademais, como esses exames são mais precisos, a necessidade de realizar biópsias tende a diminuir.

Imagem via bit.ly/2TIwz6m

“Câncer de Próstata” é debatido em evento na Bahia

2019 03 Curso de cirurgia robótica

Salvador-BA recebeu, de quinta (21/03) a sábado (23/03), o XII Congresso Norte Nordeste de Urologia. Marcos Flávio Rocha foi um dos especialistas que participaram do encontro.

No primeiro dia, ele fez parte do módulo “Câncer de Próstata”. No dia seguinte, Marcos ministrou uma aula no Curso de Cirurgia Robótica. O tema da participação foi “Onde está o feixe vásculo nervoso da próstata?” (imagem).

O médico abordou conceitos anatômicos ligados à ereção e ao controle da micção. Com um entendimento mais detalhado dessa região, essa linha de tratamento pode resultar numa maior preservação de tecidos e em melhores resultados no pós-operatório em aspectos como continência urinária e potência sexual.

Fortaleza participa da campanha “Troque o medo por esperança”

No próximo domingo (25 de novembro), a ação “Troque o medo por esperança” (www.troqueomedoporesperanca.com.br) reunirá médicos para conversar com a população, em todo o país, sobre diversos tipos de tumores, como o câncer de próstata. A iniciativa é da Sociedade Brasileira de Cirurgia Oncológica.

Em Fortaleza, a atividade será realizada no Calçadão da Avenida Beira Mar, de 8h às 13h. Na ocasião, haverá distribuição de protetor solar, agendamento gratuito de exames de rastreamento e orientações de nutricionais.

Além de orientar sobre diagnósticos e tratamentos, a campanha quer ressaltar a importância dos cuidados preventivos, através da prática regular de exercício físico e da alimentação saudável.

Urologia é a especialidade médica que mais utiliza a cirurgia robótica

O UOL elaborou uma matéria que traça um panorama da adoção da cirurgia robótica no país. Especialistas foram ouvidos pela reportagem, como Flavio Trigo, presidente da Sociedade Brasileira de Urologia – Seção São Paulo (SBU-SP).

Os 45 robôs Da Vinci instalados no Brasil devem realizar, nesse ano, 8,5 mil cirurgias. Dessas, 5 mil são urológicas (90% são procedimentos na próstata).

O texto também enfoca como testes genéticos podem colaborar no diagnóstico de doenças urológicas. Através de rastreamento, seria possível identificar mutação genética que demonstra propensão a desenvolver certas doenças, característica reforçada quando se observa o histórico familiar do paciente.

 

V Simpósio de Câncer Urológico Getuc / SBU-CE

Hoje, das 8h às 17h, o Hotel Gran Marquise (Av. Beira Mar, 3980) recebe o V Simpósio de Câncer Urológico Getuc / SBU-CE. Com programação ampla, o evento terá três módulos (rim, bexiga e próstata). Serão debatidos desde os cânceres menos complexos até os casos mais avançados (por exemplo: quando há metástase, ou seja, a doença já se espalhou para outros órgãos).

Marcos Flávio Rocha será um dos palestrantes do evento e abordará o tema “Prostatectomia radical: como melhorar os resultados funcionais (incontinência urinária e disfunção erétil)”. Para conferir a programação completa e realizar sua inscrição, visite http://bit.ly/2yRD9yS.

Passeio ciclístico conscientiza sobre o Novembro Azul

Passeio ciclísito Novembro Azul

No domingo (11/11), o Sindicato dos Médicos do Ceará realizará o Passeio Ciclístico Novembro Azul. O grupo sairá do Parque do Cocó, às 7h, para pedalar cinco quilômetros.

Não possui bicicleta? A organização disponibilizará algumas gratuitamente. Também haverá distribuição de camisa temática e água de coco. Para participar, leve 1 kg de alimento não perecível e 1 lata de leite em pó.

Todas as informações do evento estão no site do Sindicato dos Médicos.

Próstata: o que é e para que serve?

Estamos no Novembro Azul, época de propagar a importância da realização de exames preventivos para o tratamento do câncer de próstata, o mais comum entre os homens. Por isso, apresentar a próstata é uma boa forma de iniciar a campanha.

A próstata é uma glândula que produz o líquido responsável pela alimentação e proteção dos espermatozóides. Seu tamanho pode variar com a idade. Na juventude, tem a dimensão de uma noz. Em idosos, pode ser maior.

A próstata está localizada na frente da bexiga e acima do reto. Daí resulta a importância do exame de toque retal. Como a próstata sadia é homogênea, através do exame o urologista pode avaliar se há alterações.

No Portal da Urologia, há uma seção específica sobre o assunto.

Marcos Flávio Rocha participa de curso sobre cirurgia laparoscópica urológica

2018 10 MRF Ircad

O médico Marcos Flávio Rocha esteve, entre os dias 25 e 27 de outubro, no Rio de Janeiro, para participar do Curso Avançado em Cirurgia Laparoscópica Urológica, do Ircad América Latina, o maior centro de treinamento em cirurgia minimamente invasiva da região.

Na manhã do primeiro dia, Rocha realizou, junto com os colegas Claude Clément Abbou (França) e Raquel Pedrosa (RJ), uma cirurgia ao vivo. Além disso, também ministrou uma aula sobre a utilização da laparoscopia e cirurgia robótica no tratamento de câncer de próstata. O evento foi coordenado por Thierry Piechaud (França) e Raphael Rocha (RJ).