Estudo analisa a realização da prostatectomia radical no tratamento do câncer de próstata

Um estudo avaliou a utilização da prostatectomia radical no tratamento do câncer de próstata comparada a radioterapia externa e terapia de deprivação androgênica em pacientes com tumor localizado de alto risco.

O estudo avaliou o tratamento de homens entre 55-69 anos no período 2006-2015. Como fonte de informações, eles utilizaram o National Cancer Database, um banco de dados de resultados oncológicos que reúne mais de 1500 programas de tratamento de câncer.

No total, o trabalho observou o tratamento de mais de 26 mil indivíduos. O tempo médio de acompanhamento de cada paciente foi de 48 meses. O artigo conclui que a prostatectomia radical foi associada a uma maior sobrevida, independente da idade e do índice de comorbidade do paciente. O artigo está disponível online.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s