Experiências imersivas na medicina

Recentemente, muito se tem falado sobre o metaverso, a possibilidade de interagir virtualmente em ambientes que simulam situações do mundo real ou em cenários que criam novas experiências.

Na medicina, a prática de criar experiências imersivas vem sendo adotada há algum tempo na simulação cirúrgica. Esse trabalho internacional observa como a realidade virtual (RV) e a realidade aumentada (RA) estão sendo empregadas na medicina. Em especial, na cirurgia urológica.

Ambos os recursos são adotados como forma de simular o procedimento cirúrgico. Entretanto, possuem características específicas. A realidade virtual permite ao médico interagir, através de óculos especiais ou de luvas com sensores, em um ambiente 3D que replica um ambiente ou situação do mundo físico. Já a realidade aumentada agrega outros fatores. Além dos elementos visuais digitais, há sons e estímulos sensoriais.

Tais recursos são importantes para aproximar o treinamento da realidade. Por isso, estão sendo utilizados em programas de capacitação em cirurgia robótica. Dessa forma, o médico estará apto para o centro cirúrgico após realizar muitas horas de exercícios de simulação, o que amplia a segurança do procedimento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s